Análise comparativa para o crescimento do seu negócio

O que é análise comparativa?

A análise comparativa é um método de pesquisa, coleta e análise de informações que envolve a comparação de dois ou mais processos, documentos, conjuntos de dados ou outros objetos para obter razões válidas na explicação de diferenças ou semelhanças.

Métodos comparativos têm sido utilizados em pesquisas quantitativas e qualitativas sobre fenômenos tão diversos como linguagem, organização política, relações econômicas, religião, parentesco, casamento e família.

A comparação tem estado no centro da antropologia, da sociologia e de outras ciências sociais. A análise de padrões, filtragem e análise de árvore de decisão são formas de análise comparativa.

 

Em pesquisa de mercado, a análise comparativa é usada como um método para analisar a concorrência e comparar o desempenho de sua marca ou produto em relação à concorrência.

 

As empresas utilizam a análise comparativa dos dados coletados em suas pesquisas como forma de identificar suas posições competitivas e resultados operacionais durante um período definido.

>>> Conheça os melhores métodos de coleta de dados

 

Para que serve a análise comparativa?

Em geral, a análise comparativa desempenha várias funções importantes que estão intimamente relacionadas umas com as outras:

  • Colabora com a tomada de decisão necessária para implementações e otimizações na empresa que visam o crescimento do negócio.
  • Melhora a compreensão da própria organização ao situar suas estruturas contra as de outros sistemas.
  • Aumenta a consciência de outros sistemas, culturas e padrões de pensamento e ação.
  • Testa teorias em uma variedade de contextos e avalia o escopo e o significado de fenômenos particulares, contribuindo assim para o desenvolvimento de uma teoria de aplicação universal.
  • Evita que os estudiosos se generalizem demais com base em suas próprias experiências, muitas vezes idiossincráticas.
  • Oferece alternativas e soluções de problemas que podem facilitar ou revelar uma saída para os dilemas de uma organização.

 

Comparações espaciais (trans-territoriais) devem ser complementadas sempre que possível com uma dimensão longitudinal (trans-temporal) para levar em conta que os sistemas e culturas não são congelados no tempo, mas estão em constante mudança sob a influência de processos de transformação.

A combinação de estudos transversais e longitudinais ajuda a entender esses processos de transformação e mostra que contextos diferentes afetam os resultados de forma diferente.

 

 

Análise comparativa para a tomada de decisão

Como você pode ver, a análise comparativa é uma estratégia ideal para descobrir que melhorias você pode implementar para uma marca ou uma organização com base no que já existe no mercado.

Por exemplo, uma maneira de implementá-la em uma organização é através de benchmarking, o que permite comparar seus próprios processos comerciais com os melhores do setor, obtendo ideias sobre como fazer as coisas mais rápido, menos dispendioso e mais eficientemente.

>>> Faça um benchmarking comparativo para expandir o seu negócio

 

Entretanto, confiar apenas nas práticas da concorrência pode não ser inteiramente satisfatório para seus clientes, portanto é sempre aconselhável conduzir pesquisas de mercado de forma a ajudá-lo a entender o que seu público-alvo precisa e desenvolver estratégias eficazes para fornecer soluções mais adequadas.

 


 

Agora é hora de usar o melhor software de pesquisa online do mercado! Conheça todos os nossos produtos, recursos e licenças em uma demonstração da plataforma QuestionPro sem compromissos e totalmente em português.

Agendar demonstração grátis