Quais as diferenças entre MaxDiff e Análise Conjunta?

A princípio, as diferenças entre MaxDiff e Análise Conjunta parecem ser imperceptíveis, já que ambas as técnicas são ferramentas de análise avançada, construídas com base nas decisões do respondente através de um experimento de escolha discreto.

A intenção desse artigo é te instruir e fazer a comparação entre MaxDiff e Análise Conjunta para você decidir facilmente qual desses estudos de identificação das preferências dos clientes é o mais adequado para você.

 

 

O que é MaxDiff?

A escala máxima de diferenças, também conhecida como escala MaxDiff, é um método de pesquisa que consiste em medir as preferências dos consumidores entre produtos que compartilham algumas características.

 

Características

  • Comparação entre os produtos/serviços.
  • Obtém notas de preferência e importância para múltiplos itens.
  • Também conhecido como “Best-Worst Scaling”.
  • São exibidos 2-6 itens de cada vez e os respondentes são solicitados a indicar qual produto eles mais gostam e qual eles menos gostam.
  • O processo é repetido e a cada rodada diferentes conjuntos de itens/conceitos são exibidos.
  • Ajuda a estreitar os traços que um cliente considera mais importantes em um produto.

 

Resultados

Os dados coletados revelarão qual produto (ou caracerísticas do produto) os clientes gostam mais e qual produto os clientes gostam menos.

  • O próprio respondente pontua cada item indiretamente.
  • Cada item é classificado de acordo com sua pontuação de preferência em uma escala de intervalo.
  • Os itens são classificados em ordem de importância.
  • As pontuações indicam um dado importante: o valor único que cada item tem.
  • As probabilidades podem ser classificadas em proporções.
  • Entender a preferência do consumidor por uma lista de itens/características/benefícios/etc.

 

Exemplo

O MaxDiff pode ser utilizado para avaliar as características de um produto, testar a mensagem que o produto passa, compreender as preferências dos clientes e medir seus níveis de satisfação:

 

 

 

O que é a Análise Conjunta?

A análise conjunta, ou conjoint analysis em inglês, é uma das técnicas utilizadas em pesquisas de mercado para medir as preferências pelas características de um produto/serviço e como cada atributo contribui com a decisão de compra.

 

Características

  • Separa um mesmo produto em seus diferentes atributos.
  • Comparação entre os atributos que os produtos/serviços têm em comum.
  • Diferentes versões desse produto serão criadas através da variação destas características em um processo repetitivo.
  • Os respondentes escolhem as características que mais gostam naquela versão apresentada do produto.

 

Resultados

Os dados coletados revelarão quais características são mais importantes para o cliente naquele produto. Com este método de pesquisa é possível considerar o peso de cada um dos atributos e decifrar o que o consumidor considera mais relevante para tomar a decisão de compra.

  • Os resultados são calculados pela soma de todas as pontuações no nível individual.
  • Um valor único (utilidade) é atribuído para cada característica potencialmente adicionada ao produto.
  • Determina quais atributos seus respondentes valorizam mais.
  • Permite a otimização do produto/serviço.

 

Exemplo

A análise conjunta é uma opção para definir o design de um novo produto, compreender a viabilidade da extensão de alguma linha de produto, estimar o patrimônio da marca e medir a sensibilidade de preço, etc.

 

 

 

Comparativo de semelhanças e diferenças entre MaxDiff e Análise Conjunta

 

Semelhanças

  • São analíticas de pesquisa avançada para obter informações sobre as preferências dos clientes.
  • Apresentam diferentes opções aos respondentes que precisam escolher entre elas.
  • Simulam como os respondentes escolheriam entre subconjuntos de itens e conceitos.
  • São um experimento de escolha discreta.

 

Diferenças

Analisando de perto, podemos ver que são grandes as diferenças entre MaxDiff e conjoint analysis:

  • Um estudo MaxDiff apresenta um modelo aditivo, ou seja, o valor de todo o conceito é igual à soma de suas partes.
  • Por outro lado, a Análise Conjunta não é um modelo aditivo que pode ser comparada diretamente porque medem em uma escala comum. Além disso, classifica cada atributo individualmente e só compara os níveis dentro de cada atributo.
  • Com a MaxDiff, o respondente seleciona a opção que mais gosta e a que menos gosta, enquanto na Análise conjunta, apenas a que mas gosta.

 

 

Conclusão

Pode-se dizer que com o estudo MaxDiff é possível determinar qual o produto preferido, enquanto no estudo de análise conjunta é determinado quais características do produto levam-no a ser o preferido.

Quando usar cada um?

Use a MaxDiff em um estudo de mercado para eleger qual tipo de produto ou serviço você vai oferecer e criar um ranking entre as diferentes alternativas:

  • Características do produto por importância.
  • Aspectos das marcas pela satisfação do cliente.
  • Sabores ou variantes de produtos por preferências do consumidor.
  • Ocasiões de uso por frequência.

 

Use a Conjoint Analysis para adaptar seu produto ou serviço a partir dos atributos que os clientes mais consideram, ou quando você precisar entender quais combinações são mais atraentes para seu mercado:

  • Seleção de características para produtos novos ou reformados.
  • Disponibilidade marginal para pagar por características específicas.
  • Teste de marca, embalagem e reclamações.
  • Encontrar o preço ideal para os produtos, levando em conta as ofertas dos concorrentes.

 

 


 

 

Agora é hora de usar o melhor software de pesquisa online do mercado! Conheça todos os nossos produtos, recursos e licenças em uma demonstração da plataforma QuestionPro sem compromissos e totalmente em português.

 

Agendar demonstração grátis