Qualquer empresa sabe que, para que a companhia possa desfrutar de um alto nível de satisfação ao cliente, é cada vez mais importante que os colaboradores sintam a marca e a empresa como parte de sua vida, que cresça a sensação de pertencimento do funcionário à organização e que eles agreguem à sua vida pessoal a colaboração ao projeto da companhia.

Há muitos motivos para trabalhar com estes conceitos. Além da própria estratégia empresarial, obviamente há a necessidade de criar uma experiência do cliente que se ajuste ao principal e mais importante: o funcionário.

Convencida desta realidade, gosto de analisar o que pode falhar em cada projeto, qual é o nível de sentimento de pertencimento dos empregados e qual é o ponto de partida que qualquer CEO tem em relação ao posicionamento do departamento de Recursos Humanos de sua companhia.

Estamos convivendo com diversas realidades, diversos modelos de negócio, inclusive modelos que rompem paradigmas e geram nichos e oceanos azuis que não podem ser alcançados se nos prendermos às premissas tradicionais. E não se trata de algo que seja bom ou mau, mas sim de algo que se ajuste à nossa necessidade e, sem dúvida, à necessidade da organização.

A importância da sensação de Fazer Parte da Empresa.

 

Qualquer projeto que pretenda incrementar a sensação de pertencimento, ou melhorar a imagem de sua marca deve reconhecer que seu primeiro prescritor é o seu colaborador interno e é por ele que deve começar a impulsionar seu posicionamento qualquer que seja o objetivo de seu negócio.

Sendo eu muito fã do método LEAN e, portanto, consumidora habitual de CANVAS em diferentes áreas, é inegável que o denominador comum sempre é uma boa canalização da ideia  e uma comunicação fluida com o seu cliente, de modo que não se esqueça de que o primeiro é a pessoa que trabalha com você.

Ferramentas para melhorar o clima no ambiente de trabalho? Muitas, mas a primeira e fundamental é, em verdade, buscar como ferramenta básica para o teu negócio a sensação de pertencimento de cada um dos teus companheiros de jornada.

Seja egoísta e coloque seu companheiro no centro de sua ideia.

Dentro deste cenário, a necessidade de verificar a sensação de pertencimento de seus profissionais faz com que as empresas avaliem o nível de felicidade e identidade de seus funcionários com a organização que integram.

Para tanto as pesquisas têm se convertido em uma ferramenta eficaz para resolver as preocupações dos empresários neste particular.     

Estas pesquisas são capazes de identificar a satisfação e o descontentamento dos colaboradores em relação à empresa, sua identidade com os valores da organização, bem como avaliar se e em que nível os funcionários se sentem como parte integrante da companhia.

 

Sobre a autora:

Sandra Negreira: Há mais de 20 anos trabalho com gestão de equipes. Embora tenha cursado Estudos Empresariais, no decorrer de minha vida profissional passei a dedicar-me à área de Recursos Humanos (outplacement, formação, seleção, ambiente laboral, qualidade…), atividade comercial e estratégia empresarial. Aqui aprendi a importância de falar com as pessoas e a negociar de maneira que todas as partes se sintam satisfeitas e integradas à equipe.

Dados de contato:

Skype: sandra.pérez.negreira

Mail: spnegreira@gmail.com

Bottom CTA

Crie sua primeira pesquisa on-line
Comece em 30 segundos. Não é necessário cartão de crédito.