7 dicas preciosas para criar insights com pesquisas

Insights são compreensções que podem ser geradas com relação a um determinado tema ou assunto. Geralmente ocorre quando o indivíduo consegue perceber soluções para determindas questões.

Quando falamos de gerar insights através de pesquisa, podemos afirmar que houve grande evolução. No passado, a pesquisa de mercado era focada em coletar dados e entregar informações.

No entanto, pesquisas ainda precisam gerar esses dados. Mas agora também precisam entregar insights (súbitas ou novas ideias e compreensões, novas propostas para um determinado produto ou serviço).

Conheça sete dicas para criar Insights com pesquisa online

Crie insights com pesquisa esclarecendo a “real” questão.

Saber a pergunta certa é meio caminho para resolver um problema. Para descobrir a verdadeira questão, normalmente você vai precisar falar com as pessoas certas. E fazer as perguntas corretas.

Descubra o que é conhecido e o que está disponível.

É provável que existam múltiplas fontes de informação. Incluindo pesquisas de mercado, relatórios, dados transacionais, conhecimento corporativo, mídias sociais e muito mais.

Qualquer nova pesquisa deve trabalhar com o que já é conhecido, mas també deve investigar mais os dados para coletar mais informações. 

Tenha certeza do objetivo, descobrir isso tem duas vantagens:

  1. Você poderá testar e confirmar seu questionário durante o processo.
  2. É possível confirmar e refutar linhas que pensamento da pesquisa.

Todas as pesquisas devem produzir um resultado bom ou ruim. Se você não sabe responder essa questão, é bem provável que você não tenha um objetivo claro.

  • Bons resultados: é quando os dados gerados pela sua pesquisa, respondem o obejtivo da sua pesquisa.
  • Maus resultados: é quando, apesar de gerar dados, essas informações não solucionam o objetivo da sua investigação.

Concentre-se na grande história antes de mergulhar nos detalhes. Descubra o que a maioria das pessoas pensa, antes de olhar para segmentos. Quais marcas, conceitos foram melhores e quais foram piores.

Dica: obtenha o “sentimento” de todas as mensagens fortes que apareceram na pesquisa.

A estruturação do questionamento para gerar insights

Não revele no questionário tudo o que você já sabe sobre o tema a ser investigado e sobre o próprio investigado. Apenas leve as questões para que ele possa refletir sobre a questão, e traga os insights que você precisa.

Conte histórias

Leve informação para o seu intrevistado em forma de história, contextualize ele sobre o tema, mas seja direto e didático ao passar esas informações.

Por exemplo, se a história é que “90% das pessoas gostam do seu novo produto”. Então fale que “a maioria das pessoas gosta do seu produto”.

Porém, se a história for que 10% das mulheres gostam do seu produto e 20% de homens também gostam, tenha atenção ao compartilhar esses dados. Pois você deve compreender que neste caso 90% das mulheres não gostam dos produtos, enquanto os homens correspondem a 80%.

Dica Bônus: se você está informando ao cliente uma má noticia, não à relacione apenas com os fatos em si. 

Você terá que ter bons argumentos, tanto para as questões emocionais, quanto com os fatos concretos. Para que assim você tenha possibilidade de levar a considerar mudar de opinião.

Ao iniciar uma apresentação pelo ponto de vista do cliente, é possivel aceitar as conclusões obtidas e iniciar suas análises a partir daí. Por exemplo, pense em um caso em que um cliente pensa que 80% dos homens irão gostar de um novo determinado produto.

Se descobrir que na verdade, apenas 10% pensam dos homens pensam como ele, ou seja, gostam desse determindo produto. Nesse cenário é aconselhavel iniciar a apresentação, relatando sobre esses percentual de homens que gostaramdo produto e dos motivos deles por gostar do item.

No entanto, é preciso apresentar os dados dos demais homens que não o aprovaram. Nesse caso, a abordagem seria primeiro enfatizar os que aprovam e depois explorar os tópicos relatados pelos que reprovam.

Ao estruturar a apresentação dessa forma, constrói-se argumentos plausíveis para os fatos negativos, e não causam atrito com o contratante da pesquisa com uma postura de que a pesquisa está certa e as percepções dele eram erradas.

Esse texto também pode te interessar:

Como definir metas e objetivos em uma pesquisa de mercado.

Saiba as vantagens de criar uma pesquisa por QR Código

Promover pesquisa de mercado e inovação por meio de um painel on-line

Conheça as vantagens e desvantagens da ferramenta da pesquisa CAPI

Para que serve as pesquisas no setor imobiliário? Saiba agora mesmo!

Para agilizar seu processo de trabalho e para que tenha recursos que enriquecem seu projeto de pesquisa, utilize uma plataforma online de pesquisa, te convido a conhecer a Questionpro, uma solução completa em pesquisa e inteligência de mercado. 

Siga-nos nas redes sociais e receba sempre dicas e novidades: Facebook, Twitter, Linkedin, Instagram

Crie sua primeira pesquisa on-line
Comece em 30 segundos. Não é necessário cartão de crédito.